BLOG

Alterações no apartamento podem ser feitas durante a construção

  • 10 de novembro de 2011
  • 14h11

Você já teve alguma expericência com construtoras de João Pessoa ao solicitar uma reforma quando o apartamento que você comprou ainda está sendo erguido? Quando a compra é na planta, a reforma do imóvel às vezes começa antes mesmo da entrega das chaves.

Negociadas na hora do contrato, alterações de projeto ou no acabamento podem ser feitas aproveitando a mão de obra da construtora.
A ideia é que não sejam levantadas paredes desnecessárias ou colocado um piso que não será utilizado, evitando gastos duplicados com material e instalação.

As mudanças permitidas variam de empresa para empresa. Há as que utilizem um sistema de créditos e débitos e cobrem apenas taxa de administração sobre o material novo a ser utilizado.

“Por exemplo, se o proprietário decide eliminar três paredes do projeto original, isso originará crédito na sua ‘conta’; e, se trocar o piso da cozinha por outro mais caro, vai gerar um débito”, explica o arquiteto Toninho Noronha.

O mais importante é a definição de paredes e pontos elétricos e hidráulicos conforme o desejado, pois evita quebra-quebra posterior, reforça a arquiteta Andréa Parreira.

CRONOGRAMA
Para se valer da mão de obra da construtora, é importante estar atento aos prazos da empresa. A gerente de personalização da Gafisa, Silvia Amaral, diz que a definição de mudanças deve ser feita em média 24 meses antes da entrega das chaves.

A maioria das construtoras, no entanto, oferece apenas opções de planta para escolha sem custo extra.

Fonte: http://classificados.folha.com.br